NYC 2016

Este post vem com atraso de 2 anos. 
Na altura que regressei desta viagem, o meu pai não estava bem e como tal tive zero vontade de vir para aqui escrever fosse o que fosse. 
A viagem fez maravilhas à minha alminha, como sempre. Não estava para ir, não fosse a insistência do meu pai (o maior fã que conheci desta cidade). Foi lá umas 15 vezes. E o que isso me deixa feliz!
Sei que era doido por Nyc e ia lá sempre que podia. 
O melhor que se leva desta vida é a felicidade com que enchemos a nossa alma e o nosso coração. Foi isso que ele fez, foi isso que ele me incutiu. 

Comemorei o meu 37º aniv num avião, a caminho do meu lugar preferido do mundo inteiro, com uma das minhas melhores amigas.
Foi a primeira vez que ela visitou a Big Apple por isso eu ia com uma enorme responsabilidade. Fazê-la amar NYC! Como se isso fosse preciso....
Naturalmente ficou perplexa com a grandiosidade de tudo. Mais uma fã!

Estipulámos um plano de sítios obrigatórios a visitar e outros mais secundários.( aqueles que se vai se sobra tempo) 
O hotel em que ficámos em Nyc foi o The Manhattan at Times Square . Tal como o nome diz fica em Times Square. 
Apesar da localização ser boa, o hotel em si não é espetacular. Cumpre o essencial, mas não é TOP!
Escolhemos um Standard King Room. Obviamente que há outros quartos bem melhores, de uma gama mais alta, mas o objetivo era apenas usar o quarto para dormir e tomar banho, por isso não valia e nem acho que valha a pena investir num hotel muito caro, quando se pretende passar todo o dia fora dele. 
Em relação ao ROW,  é bastante inferior, sobretudo no que toca ás acomodações e acesso aos quartos.  O Row tem 6 elevadores e chegam em 10 segs ao 17 andar. (Piso em que ficámos).
O The Manhattan at times square só tem 2 elevadores,o que gera um grande congestionamento de pessoas naquela zona do hotel e uma enorme demora até se conseguir entrar num deles.

À chegada!


O hotel





M&M´s World








Radio City

Le pain quotidien









A mesma igreja onde fui com a Xinha em 2011


Guggenheim

The MET

A loja do MET






A caminho do outlet Jersey Gardens no autocarro NJ Transit

Na chegada, vai buscar-se um carrinho destes ($7) para transportar os sacos das compras
Uma das lojas em que entro sempre Bath & Body Work


Loja Michael Kors



Marshalls






Uma tarde de outlet


Times Square

Rumo a 2017. Aquele que viria a ser um misto do melhor e pior da minha vida

Top of the Rock (OBRIGATÓRIO)




Hope Sculpture 7th av

O lendário Carnegie Hall






Aqui estava uma das torres gémeas


Century 21 (Obrigatório para preços super em conta)

Zoo do Central Park


SIGA A JO WHITE CANDY NO INSTAGRAM


CONVERSATION

0 comentários:

Publicar um comentário

Back
to top